Altamente empregado na transferência de líquidos, sólidos, vapores, gases, ar, vácuo ou cabos elétricos, sob altas ou baixas pressões e temperaturas, em instalações sujeitas a movimentos.


Os tubos metálicos flexíveis são compostos por um tubo onde são confeccionadas ondulações proporcionado flexibilidade; um revestimento externo em malha com a finalidade de absorver forças longitudinais devido a pressão interna bem como proporcionar suporte radial ao flexível; e conexões para montagem do tubo flexível ao ponto de utilização.


Estes tubos apresentam as seguintes propriedades, flexibilidade, resistência à pressão e resistência mecânica. A flexibilidade deste tubo é conferida pela deformação das ondulações enquanto a resistência à pressão é garantia pela continuidade metálica.



As vantagens em se utilizar tubos flexíveis são diversas, dentre as principais:


- Resistente a baixas e altas temperaturas.

- Resistente a pressões desde alto vácuo até altíssimas pressões.

- Ótima resistência química.

- Previne vibrações e absorve movimentos de dilatações e/ou mecânicos.


Existem muitos tipos diferentes de tubos disponíveis no mercado, dentre os quais metal, borracha, compósito, PTFE e tecidos. A decisão de optar por tubos flexíveis metálicos é por sua melhor capacidade em atender “simultaneamente” os oito fatores abaixo:


- Melhor resistência a temperatura;

- Ótima compatibilidade química com uma enorme variedade de meios;

- Perfeita impermeabilidade;

- Baixo risco de falhas catastróficas;

- Alta resistência a abrações e capacidade de altas deflexões;

- Segurança contra o fogo;

- Alcance do vácuo total;

- Flexibilidade na escolha da conexão para montagem;



Abaixo estão as normas comumente utilizadas para os terminais dos tubos metálicos flexíveis:


  • Terminal Soldado: ASME B16.25

  • Terminal Roscado

    • Rosca paralela BSP: NBR 8133

    • Rosca cônica BSP: NBR 8133

    • Rosca cônica NPT: NBR 12912

    • Rosca paralela NPS: NBR 12912

  • Terminal Flange:

    • ANSI B16.5 150# ou 300#

    • DIN 2632 PN 10

    • DIN 2633 PN 16

    • DIN 2634 PN 25

    • DIN 2635 PN 40